Monstros e Fantasmas Japoneses

O folclore japonês é bem rico e diversificado, e por vezes aterrorizante, podemos ver isso nos vários animes que assistimos! O folclore japonês é muito influenciado pelo Xintoismo e pelo Budismo.  Yurei (fantasmas), Youkais (espíritos que não tem conotação religiosa), Kami (deuses e espíritos reverenciados),  dragões, e animas com poderes sobrenaturais, como por exemplo a Kitsune (raposa) são sem duvidas os mais populares entre nós. Mas o quanto realmente sabemos sobre isso? Que tal nos aprofundarmos um pouquinho mais no assunto? Se estiver disposto a embarcar nessa aventurar, siga-me…

Fantasmas Tradicionais Japoneses

As tradicionais crenças japonesas afirmam que todo ser humano tem uma alma chamada reikon. Após a morte, com a saída da reikon do corpo, o ser entra em um outro estágio, conhecido por nós ocidentais com o nome de purgatório, onde aguarda os ritos fúnebres. Se corretamente preenchidos, o reikon se satisfaz e se torna um protetor da sua família.
Mas se uma pessoa morre de forma inesperada, violenta ou traumática, a Reikon permanece entre os vivos no mundo das pessoas como um fantasma que devem preencher um dever inacabada entre os vivos isso acaba impedindo que os ritos finais sejam devidamente realizados, então o reikon torna-se um yurei. O yurei sofrem com suas angústias no purgatório, clamando pelos ritos fúnebres que podem liberta-lo. Se o yurei desenvolve ligações emocionais fortes o suficiente com o mundo físico, ele sai do purgatório retornando ao nosso mundo como um fantasma.

Podemos dividi-los em cinco tipos:

Onryo

Onryo são espíritos que retornaram ao mundo físico em busca de vingança contra aqueles que os trataram mal durante sua vida terrena. Quase sempre são descritos como mulheres, os onryo eram por vezes maltratados por aqueles que seriam seus amantes durante suas vidas. Impotentes contra seu sofrimento durante a vida, ao se tornar espírito encontram a sua força e retornam para atazanar quem lhe fez mal.

Ubume


Ubume é o espirito de uma mulher que morreu no parto, as vezes é contada como uma mulher morreu para ter certeza que o filho sobreviveria. Muitas vezes aparecem como geralmente os espiritos japoneses aparecem, usando robes brancas, e tendo um cabelo longo e escuro.

Goryo


Goryo são “espíritos honrosos” da classe aristocrática que tinha sido injustiçados durante suas vidas, tornando-se um fantasma de vingativo, semelhante ao onryo. Porém, ao contrário onryo, esses fantasmas não eram esposas traídas, mas imponentes senhores, assim como figuras políticas cujos os poderes como espíritos eram traduzidos em desastres naturais e catástrofes, capazes de provocar inundações ou tempestades que matava centenas de pessoas ao mesmo tempo, inocentes ou não . Contudo, a agitação de um Goryo não necessariamente terminava com a morte daqueles que o infligiram o mal. Somente com a referencia e ritos para alimentar seu espírito e honra é que esses fantasmas inquietos poderiam descansar.

Zashiki-warashi


Os espíritos conhecidos como Zashiki-warashi são únicos que não estão empenhados em se vingar de tantas pessoas quanto possível nem foram injustiçados de alguma maneira ou maltratadas enquanto ainda estavam vivos. Zashiki em japonês significa quarto e Warashi, no dialeto da região de Aomori, significa “criança”, portanto Zashiki Warashi quer dizer “criança do quarto”.Muitas pessoas no Japão ainda acreditam na existência dessas estranhas crianças, que tanto podem ser do sexo masculino ou feminino. Ninguém sabe definir se são fantasmas ou duendes.

Funayuhrei


Comum nas pequenas aldeias de pescadores das costas do Japão,os funayuhrei são espíritos marinhos, fantasmas daqueles que se afogaram no mar. Reza a lenda que esses fantasmas aparecem durante a noite em um navio fantasma que eles não deixam. Seu objetivo não é assombrar, nem se vingar. O que fazem é apenas lamentar, eternamente.

Leia mais aqui

Youkais

Os Youkais, são seres do folclore japonês, que geralmente possui um poder sobrenatural ou então, espiritual. Muitas vezes os nomes, são mal traduzidos em animes e mangás, causando desentendimentos e preconceitos (bla bla bla coisa do demonio xD). Então explicando a palavra youkai. “You”, pode ser traduzido como “atraente”, “sedutor”, “encantador” e também pode ser traduzido como “calamidade”. Comumente, o termo “you” é traduzido como “encantador”, justamente por poder ser relacionado com “encanto”, ou então, “encantamento”, o que traz a conotação de algo “sobrenatural”, “magia”. Já o “kai”, este que tem um significado bem mais simples: mistério, aparição, suspeita. Agora juntando o  “you” e “kai” temos: uma jovem e misteriosa mulher, muito bela e sedutora, morta, que surge do nada. Ou seja, as traduções de que Youkai é simplesmente algo relacionado a magia e mistério são muito mal feitas, a real origem da palavra é essa, apesar de a palavra Youkai ser, na verdade, um termo genérico para se referir a todas as entidades e criaturas sobrenaturais das histórias japonesas.

Vamos conhecer alguns monstros:

Kitsune

Kitsune (demônio raposa) é um Metamorfo, que representa o poder de transformação, o nivel de seu poder é indicado pelo número de caudas, um maior número de caudas indica uma raposa mais velha e mais poderosa; nos folclores dizem que uma cauda crescerá após que a raposa viver 100 anos. O lendário feminino Nine-Tailed Fox Tamamo-no-Mae representa o auge desse poder como um ser de terror e majestade. Ao longo dos séculos, no folclore japonês e a mitologia em torno da kitsune tem produzido uma infinidade de contos que encarnam a crença da capacidade das raposas de assumir a forma humana — normalmente aparecendo na forma de uma mulher bonita, uma jovem ou uma velha. Enquanto algumas histórias falam que as kitsunes usam essa habilidade apenas para enganar as pessoas e  outras histórias as retratam como guardiãs fiéis, amigas, amantes e esposas. Além da habilidade de assumir a forma humana, elas possuem os poderes de possessão, conseguem gerar fogo das suas caudas e da sua boca, o poder de aparecer nos sonhos e o de criar ilusões.

A kitsune é um dos yokais mais poderosos da mitologia japonesa. Por causa de seu poder e influência, algumas pessoas também fazem oferendas a eles como uma divindade (bem como fãs fanaticos que adoram Naruto xD).

Bakeneko

Um Bakeneko (Gato monstro) é um gato com habilidades sobrenaturais parecidas com as de uma Kitsune ou de um Tanuki. Um gato pode virar um Bakeneko de várias maneiras:  Quando atinge uma certa idade; Sendo mantindo preso por um certo número de anos; Crescendo até um certo tamanho; Tendo uma cauda muito grande. No último caso, a cauda se divide em duas e o Bakeneko passa a ser então um nekomata (“Gato dividido”) e tem os seus poderes incrivelmente  ampliados. Essa superstição pode ter algum relacionamento com o cruzamento de Bobtail Japonês, pois se diz que a maneira mais facil de evitar que um gato se transforme em um nekomata é cortanto o seu rabo antes que seja tarde demais.

     Um Bakeneko assombra a casa em que foi mantido, e sendo um Youkai, ele tem varios poderes mágicos, como por exemplo criar bolas de fogo fantasmagóricas, causando pesadelos, andando sobre duas pernas, e mudando sua forma na de um humano, e até devorando seu próprio dono para tomar seu lugar, embora eles tambem sejam capazes de assumir outras formas como uma segunda luano céu. Ele também representa um perigo se entrar em uma sala onde haja um cadáver, pois acredita-se que ele pode reanimar o corpo se pular sobre este, e há mitos que fale de bakenekos capazes de conjurar tempestades. Quando finalmente morto, seu corpo pode ter até 1,50 metros de comprimento.
Tengu

Tengu são uma espécie de duende cujas lendas possuem traços tanto da religião budista quanto xintoísta. Habitam florestas e montanhas. O traço físico mais marcante dos Tengu são seus longos narizes(você sabia que o Pinóquio é na verdade um tengu?!). A maioria deles também possui barba. Alguns Tengus têm cabeças de pássaro; estes eram tidos como grandes artistas marciais.

Acreditava-se que possuíam vários poderes sobrenaturais, entre eles a capacidade de mudar de forma, ventriloquismo, teletransporte e a habilidade singular de penetrar no sonho dos mortais. O Tengu é um guerreiro habilidoso, mas sua principal diversão é causar desordem. Eles gostam de pregar peças em sacerdotes budistas que incorrem no pecado do orgulho, as autoridades que usam seu poder ou sabedoria para adquirir fama e os samurais que se tornavam arrogantes. Algumas fontes consideram que pessoas que apresentavam esse tipo de mau comportamento é que se tornavam Tengu, ao reencarnar. Os Tengu antipatizam com aqueles que contrariam as leis do Dharma.

Kappa

É um espírito anfíbio do folclore japonês. Quando plenamente desenvolvido, um kappa tem o tamanho de uma criança de dez anos. Sua pele é escamosa e verde-amarelada; tem cara de macaco, costas de tartaruga; as mãos e os pés têm membranas, para nadar mais facilmente. Talvez seu traço físico mais característico seja uma depressão em forma de pires no topo da cabeça, que deve sempre conter água, para que o kappa possa conservar seus poderes sobrenaturais e sua força extraordinária quando está em terra.

 

Hoje em dia o kappa é amado por muitos e elaborado para ser bonito e negociáveis (até a  Hello Kitty tem um no seu grupo de amigos ^^). Antigamente, no entanto, o kappa foi usado pelos pais para a guerra psicológica contra seus filhos. Pirralhos japoneses foram advertidos que se mergulhassem sem supervisão de um adulto, um kappa iria pega-los por baixo e chupar seu interior através de seu ânus como uma tigela quente de ramen.O.O

Tsukumogami

Tsukumogami é uma subcategoria de youkai, composta por objetos inanimados que ganharam vida. tsukumogami são originários de itens ou objetos que tenham atingido o seu 100º aniversário e assim tornar-se vivo e consciente. Qualquer objeto desta idade, de espadas a brinquedos, podem se tornar um tsukumogami. Tsukumogami são considerados espíritos e seres sobrenaturais, ao contrário de itens encantados.

Tsukumogami varia radicalmente de aparência, dependendo do tipo de item que originou, bem como as condições de como o item estava. Alguns tsukumogami originaram-se de lanternas de papel ou sandálias quebradas, podem ter lágrimas escorendo dos olhos e dentes afiados, dando assim um rosto horrível. isso seria um resultado de abuso, negligência ou abandono.Outros de terços de oração ou xícaras desgastado, podem apenas manifestar rostos, dando uma aparência amigável e calorosa.

Apesar de grandes, os tsukumogami são inofensivos e muitos deles ocasionanalmente tendem a pregar peças em vítimas inocentes,  eles têm a capacidade para a raiva e se unem para vingar-se daqueles que os inutilizaram ou os jogaram fora sem pensar. Para evitar isso, até hoje algumas cerimônias Jinja, como o Kuyou Hari, são realizadas para consolar itens quebrados e inutilizáveis.

Dragões Japoneses

Os Dragões japoneses ou Tatsu, são considerados como potências imperiais e espirituais, e eles tendem a viver em lagos e nascentes. Dragões japoneses tem três garras (dragões chineses têm quatro) necessariamente não têm asas e tem tendência a ser mais ou menos benevolente, antigamente eram conhecidos por conceder desejos (há exceções).

  • Fuku riu - dizem ser o dragão de “boa sorte”
  • Hai-riyo - o unico dragão japonês  com asas, este dragão é às vezes chamado de um “Passaro-Dragão”, parecido com o dragão chinês Ying-Lung, essa é a forma mais “evoluida” de um dragão.
  • Han-riu - um dragão japonês listrado, com mais de 40 metros de comprimento, este dragão nunca pode alcançar o céu.
  • Ka-riu (Dragão de fogo) - um pequeno dragão  mede uns 7 metros e dizem que Ka-riu era vermelho fogo
  • Ri-riu - um dragão conhecido por uma visão excepcional.
  • Sei-riu (Dragão Azul/Verde ou Dragão Sagrado) - Seiriu é o Deus do leste, presidindo a temporada de Primavera, pensado para ser a encarnação da água. Ele é geralmente tido como um dragão poderoso e temível, mas também considerado justo e benevolente; a incorporação do conceito de Yang.
  • Sui-riu (Dragão Marinho)- o rei dragão japonês, também conhecido como o dragão da chuva.

Escolha um e faça a sua tattoo =D

O dragão oriental, hoje representado com corpo de serpente, quatro patas e chifres e sem asas, é símbolo de vigor, de fertilidade, de chuva, do poder expansivo yang, opondo-se ao tigre, símbolo da morte e da energia yin. A dança do dragão pede chuva, fertilidade e prosperidade nas festas de ano novo e casamentos. Os reis-dragões guardam tesouros no fundo do mar, mas são menos avarentos que seus parentes ocidentais e chegam a dar filhas em casamento a visitantes que os agradam.

Animes

Nos animes essas criaturas estão quase sempre presente, Inuyasha, Yu Yu Hakusho, Naruto, Bleach e até em Pokemon encontramos personagens baseados nos contos e lendas japonesas.

Agora uns animes que falam bastante do folclore japonês, caso tenha interesse!

xxxHolic


Kimihiro Watanuki é um jovem que recebeu um dom amaldiçoado, ele possui a habilidade de ver espíritos malignos. Um dia, ele encontra uma misteriosa mulher que se diz chamar-se Yuuko. Ela diz que consigue pôr um fim em seu tormento, mas ela nunca trabalha de graça, e ela só o ajudará se ele trabalhar para ela o suficiente para pagar a dívida. Assim que começa a trabalhar em sua loja, começa a descobrir que nada é o que parece ser.

Gakkou no Kaidan

Gakkou no Kaidan ou História de Fantasmas como ficou conhecido no Brasil, conta a história de Satsuki Miyanoshita (personagem principal), e de seu irmão, Keichiro Miyanoshita. Tudo acontece quando eles se mudam para a cidade natal de sua falecida mãe, acontecendo de no primeiro dia de escola, eles descobrirem que a escola antiga, que fica proxímo à escola atual, é assombrada, e a mãe deles fora responsável por exorcizar os fantasmas que assombravam essa escola. No primeiro episódio eles prendem um fantasma (acidentalmente) no corpo de seu gato Kaya, chamado Amanojaku, porém até o último episódio o fantasma se mostra muito prestativo e sempre ajuda os irmãos e seus amigos a vencerem os fantasmas malignos que passam em seu caminho, mesmo muitas vezes sendo de má vontade e outras somente através de dicas, tendo também a ajuda do diário deixado por Kayako Miyanoshita, mãe dos irmãos Miyanoshita, que contém a experiência que a mesma teve com esses fantasmas, mostrando a forma de os enfrentarem caso eles voltassem, e ironicamente esses fantasmas voltam e então começa a aventura de Satsuki e seus amigos para exorcizá-los de uma vez por todas. Todos os fantasmas são baseados em lendas do folclore japonês.

Ayakashi - Japanese Classic Horror


Japanese Classic Horror conta a história de um autor de historias de terror que, já com seus 70 e poucos anos, resolve dar mais suspense em seus contos.Reúne três contos do terror clássico japonês, como pode-se deduzir pelo título. Cada um tem seu diretor e designer de personagens, possuindo estilos completamente diferentes. O único vínculo entre eles é a (excelente) trilha sonora; porém, apesar de serem as mesmas músicas, cada conto as utiliza de forma distinta.

Mononoke


Mononoke é uma continuação indireta (ou seja, não é necessário assistir ao antecessor) do último conto, Bake Neko, do anime Ayakashi - Japanese Classic Horror. Acompanhamos novamente o misterioso homem de nome desconhecido, que diz ser apenas um vendedor de remédios (Kusuriuri, em japonês). Mas, ao contrário do que alega, sua ocupação principal é exorcizar mononokes, um tipo de demônio.
O anime contém cinco contos, cada um com seu mononoke a ser exorcizado, e cada mononoke baseado em uma criatura diferente do folclore japonês. Assim como em ”Ayakashi“, Kusuriuri precisa descobrir certos fatos sobre o mononoke e a situação que o envolve para ser capaz de fazer o exorcismo.

 

Fontes: 1   2  3  4  5  6  7  8

 

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Facebook Twitter Email Tumblr

1 Comment on “Monstros e Fantasmas Japoneses

  1. Thanks for your nice experience to share with us. Really awesome article with plenty of informative things to be known for us.

Leave a Reply

*